Wikia

Star Wars Wiki em Português

Sabre de luz

Redireccionado de Sabre de Luz

5 447páginas
nesta wikia
Falar0

Clique aqui para ir ao artigo da Star Wars Wiki sobre a versão Cânon desta página.

Este artigo detalha um assunto sob a marca Legends.

O assunto deste artigo aparece antes da era da Velha República.O assunto deste artigo aparece na era Anterior à República.O assunto deste artigo aparece na era da Velha República.O assunto deste artigo aparece na era da Ascensão do Império.O assunto deste artigo aparece na era da Rebelião.O assunto deste artigo aparece na era da Nova República.O assunto deste artigo aparece na era da Nova Ordem Jedi.O assunto deste artigo aparece na era do Legado.O assunto deste artigo é considerado parte de Star Wars Infinities.

Help.jpg Por aqui! Socorro! Por favor, socorro!

Esse artigo ou seção precisa ser arrumado para atingir um patamar maior de qualidade.
Por favor, siga as instruções no Guia de Leiaute e no Manual de Estilo e complete este artigo visando maior qualidade visual e escrita. Remova esta mensagem quando terminar.

"Esta é a arma de um Cavaleiro Jedi. É mais jeitosa e certeira que uma arma laser. Uma arma elegante, para um mundo mais civilizado."
Obi-Wan Kenobi falando para Luke Skywalker

Os sabres de luz foram as armas utilizadas pelos Jedi, Sith e outras organizações. Eles seguiam uma estrutura básica similar, apesar de muitos terem sido personalizados por seus fabricantes. Com um funcionamento que se regia pelo complexo princípio de energia controlada, um Sabre de Luz requiria elementos de focagem produzidos por Cristais. Um Sabre de Luz devia ser montado à mão, pois não existia uma fórmula exata para o alinhamento crucial dos Cristais irregulares. O mais ligeiro desalinhamento faria com que a arma detonasse ao ser ativada. Muitos pensam que o Sabre de Luz liberava um laser, mas na realidade é uma lâmina de energia concentrada em um feixe de curto alcance. O choque entre duas lâminas de energia produzia uma luz resultante do bloqueio, impedindo que a lâmina atravessasse a outra. Pela complexidade na montagem de um Sabre de Luz, essa era uma etapa no treinamento de um aprendiz Padawan. Uma fase importante para que ele se tornasse um Cavaleiro Jedi.

HistóriaEditar

Construindo um Sabre de Luz Editar

Construído por cada Jedi como um teste de suas habilidades, o Sabre de Luz é o produto de uma tecnologia antiga; o esgrimir hábil da arma é a marca de um Cavaleiro Jedi completamente treinado. O Sabre pode cortar quase qualquer coisa, com a exceção de outro Sabre de Luz, campos de força e o raro minério chamado Cortosis (Entre outros minérios). A construção de um Sabre ocupa muitos dias; os componentes, o Jedi e a Força devem se tornar um. Em geral (admitindo uma harmonização cuidadosa dos cristais) o processo leva um mês para se completar, porém, alguns mestres habilidosos são capazes de construir um sabre em algumas horas.

Estrutura Editar

Os sabres seguem uma estrutura básica similar, apesar de muitos serem personalizados pelos seus fabricantes Jedi. Uma vez que a energia pura da lâmina não tem massa, a onda do arco gerado electromagnéticamente cria um forte efeito giroscópico que torna difícil lidar com o sabre de luz. Com um funcionamento que se rege pelo complexo princípio de energia controlada, requer elementos de focagem produzidos por cristais naturais que não podem ser facilmente sintetizados (exceto por técnicas obscuras do uso da Força ou da alquimia Sith).

Introdução à cor Editar

Ao iniciar o treinamento, o Padawan recebe um sabre de cor aleatória. Na época ao redor de 4.000 anos antes da Batalha de Yavin, a cor do sabre de início de treinamento não era aleatória: ela já refletia a inclinação do estudante como Sentinela, Guardião ou Consular. Ao atingir o nível de Cavaleiro, o Jedi finalmente está pronto para criar seu próprio sabre e modificar a cor da lâmina se julgar adequado (na verdade, o principal teste aplicado para que um Padawan torne-se um Cavaleiro é que este construa sozinho seu sabre-de-luz). Antes, contudo, ele precisa encontrar o cristal da cor correspondente por mérito próprio. As cores são de escolha pessoal.

Cores de SabresEditar

Editar

Introdução Editar

As cores dos Sabres de Luz são originados nas respectivas cores dos cristais neles contidos. Esses cristais são comumente encontrados na Caverna de Cristal no planeta Ilum ou outros planetas que também possuíam cristais. Como os Sith não tinham acesso ou permissão para entrar na Caverna de Cristal, seus Sabres de Luz eram da cor vermelha, pois o Cristal nele contido era sintético, vermelho ou poderiam ser um cristal Qixoni que emitia um cor vermelho sangue de cor mais forte que do Sabre dos Sith.

Aayla Secura Master Handsome.png

Aayla Secura, com seu Sabre de Luz azul em Geonosis.

Sabres AzuisEditar

Cor geralmente usada para caracterizar os Jedi Guardiões. Este Jedi luta contra as forças do mal e o lado sombrio. Ele se concentra no treinamento de combate e no domínio do uso do Sabre de Luz.

Sabres VerdesEditar

Cor geralmente usada para caracterizar os Jedi Consular. Este Jedi procura trazer equilíbrio ao universo. Ele se concentra menos no combate físico e mais nas disciplinas mentais para ampliar seu domínio na Força.

Sabres BrancosEditar

Master Tera Sinube by raikoh14.jpg

Tera Sinube com seu Sabre de Luz branco em Star Wars: The Clone Wars.

Pouco se sabe sobre os Jedi que usavam esse tipo de sabre; apenas se sabe que eram poucos os Jedi que o usavam, e eles eram como os sabres roxos, encontravam um equilíbrio entre as disciplinas mentais e físicas. Nas HQ's de Star Wars Legado, os Cavaleiros Imperiais utilizavam exclusivamente sabres de luz brancos.

Sabres AmarelosEditar

Cores geralmente usadas para caracterizar os Jedi Sentinela. Este Jedi desmascara trapaças e injustiças, trazendo-as para a luz. Ele encontra um equilíbrio entre as disciplinas mentais e físicas da Ordem Jedi.

Sc4-darth-vader.jpg

Darth Vader com seu Sabre de Luz vermelho.

Sabres Vermelhos e PretosEditar

Usados geralmente para caracterizar usuários do Lado Sombrio. Essa cor, porém, é também usada por alguns "raros" Jedi como Yaddle. As cores dos sabres vermelhos eram originados dos cristais sintéticos dos Sith, por não terem acesso à caverna de cristais em Ilum ou outros planetas como Rubat e Firkraan, os Sith criavam cristais sintéticos, de coloração vermelha. E quanto aos pretos o usuário mais notável deste era Pre Vizsla.

Sabres DouradosEditar

Esta cor de sabre era usada principalmente por Zayne Carrick na revista em quadrinhos Cavaleiros da Velha República, apesar da confusão alguns conseguem diferenciar amarelo com dourado.

Sabres PúrpurosEditar

Na era antiga (4.000 anos antes do Império de Sidious), os Sith e Jedi Negros também usavam a cor púrpura, embora não com a mesma frequência dos sabres vermelhos. Ki-Adi-Mundi também utilizou um sabre com esse tipo de lâmina, mas depois trocou esse cristal por um azul.

Sabres MarronsEditar

Sabre de luz com o cristal Sacríficio de Bnar marrom e raríssimo, usado no sabre de Bnar, um Jedi lendário.

Sabres AlaranjadosEditar

Sabres Alaranjados ou Laranja eram sabres com cristais encontrados em locais tão quentes que dão muito poder ao sabre, assim, dando um aspecto alaranjado a ele.

Sabres Cor-de-RosaEditar

Sabres com cristais lambent são rosados e raros, e eram principalmente cultivados pelos Yuuzhan Vong.

Definições e Componentes Editar

Funções Editar

Desenvolvido tanto para ter elegância em combate quanto para cerimônia, o Sabre de Luz era uma arma distinta, a mais pura imagem, que era inextricavelmente o elo com os mitos dos Jedi e dos Sith.

Era uma lâmina de energia pura, emitida de um cabo/punho, muitas vezes fabricado pelo usuário para atender às suas próprias necessidades e estilos. Nas mãos de um expert, em contato com a Força, como os Jedi e seus inimigos, os Sith, o Sabre de Luz era uma arma a ser respeitada e temida. Portar um sabre de luz era demonstrar enormes habilidades e confiança, bem como destreza e contato com a Força.

Durante o milênio em que foi utilizado, o sabre de luz tornou-se sinônimo dos Jedi e seus valores, de manter a paz e a justiça pela galáxia. Esta percepção durou, mesmo com muitos anos de conflitos com os Sith e os Jedi do Lado Sombrio (Dark Jedi), que também utilizavam tal arma, também conhecida como Espada-Laser.

Cristais Editar

"O cristal é o coração da lâmina. O coração é o cristal do Jedi. Os Jedi são o cristal da Força. A Força é a lâmina do coração. Todos estão interligados: o cristal, a lâmina e o jedi. Você encontrou a união."
Luminara Unduli falando a Barris Ofee

Como o texto acima mostra, o cristal e o cavaleiro que o utilizar devem estar de tal forma conectados, de modo a se tornarem um só. Daí a expressão de Obi-Wan Kenobi para Anakin "Esta arma é sua vida!".

Os Sith e os Jedi do Lado Sombrio (Jedi Negros) utilizam cristais sintetizados, os chamados "synth-crystals". São geralmente cristais de Adegan modificados pela Alquimia Sith, gerando a tradicinal cor vermelha, que naturalmente é a cor da raiva, ódio e do guerreiro. Apesar disso, alguns Jedi como Jaina Solo e Yaddle também usavam esse tipo de cristal devido a falta de cristais naturais. Neste caso eles eram criados sem o uso de técnicas Sith.

Tipos de CristaisEditar

Adegan Editar

Adegan crystal.jpg

Cristais Adegan.

Adegans eram comumente utilizados pelos Jedi como um componente principal de um Sabre de Luz. Também conhecido como "Cristais de Ilum", estes pedras foram encontrados principalmente no sistema Adega. Uma boa quantidade desses cristais também poderiam ser encontrados no planeta Halm, em Mygeeto, e em partes do Cinturão de asteroides do Sistema Cularin, na caverna de cristais planeta Ilum (como pode ser visto em Star Wars: The Clone Wars), e em jazidas de adegan ao redor da galáxia. São de cor azul, de cor verde, ou amarela.

Aquamarine Editar

Cristal encontrado em planetas aquáticos, ou onde há muita água, como Kamino e Naboo, esse cristal dava ao portador uma incrível agilidade com o sabre e as mãos debaixo da água. Cristal de cor verde-água que emitia uma lâmina da mesma cor.

Safira de Ankarres Editar

Também conhecido como o cristal Antares, foi um cristal que possuía poderes de recuperar danos nos cabos de sabres. Foi um dos cristais mais potentes que poderiam ser usados na criação de Sabre de Luz. Foi também um cristal de grande poder e poderia ajudar um Jedi em combate. São encontrados em Yavin IV, de cor azul safira, as lâminas dos sabres também são dessa cor.

Cristais Permafrost Editar

Permafrost Crystal.jpg

Um cristal Permafrost.

Eram raros cristais de Sabre de Luz, encontrados no sistema Hoth e Dathomir. Quando usados em Sabres de Luz, davam à lâmina uma cor de azul. Cristais Permafrost eram de cor profunda, gelados cristais azuis; esta coloração era um aspecto do cristal que passa para a lâmina do sabre de luz. Quando um dos cristais é ajustado por uma Força-sensível para uso em um sabre, torna-se um cristal de focagem, e, só pode ser utilizado em sabres construídos pelo indivíduo que o sintonizou com a Força.

Sacrifício de Bnar Editar

Usado pelo lendário mestre Jedi Bnar, na época da Velha República. Esse cristal é quase que único nas jazidas de cristais da galáxia, um cristal marrom que emitia uma luz da mesma cor.

Bondar Editar

Um cristal encontrado em Tatooine, que concedia ao portador uma super força quando em contato com o Sabre de Luz. Emitia uma luz de cor verde escura.

Luxum Editar

Um cristal poderoso que era muito eficaz contra droides pois despejava uma descarga iônica neles, os deixando paralisados. Era encontrado em Ambria, e possuía uma luz acinzentada quando ativado.

KaiburrCrystal.jpg

Cristal Kaiburr.

Kaiburr Editar

Um cristal que, ao ser colocado no Sabre de Luz poderia curar aliados feridos em batalha. Possuía uma luz transparente apesar de ter uma coloração rosa externamente, como visto na foto. E era encontrado em Yavin IV e em Ilum.

O Legado de Kenobi Editar

Um cristal usado em um dos sabres de Anakin. Possui uma lâmina azul escura e só é encontrada em Bespin e Tatooine. Recebeu esse por Anakin que quis homenagear seu Mestre por tudo.

Halcyon.jpg

Keiran Halcyon utilizando um cristal de Durindfire em seu Sabre de Luz.

Durindfire Editar

Um raro cristal encontrado em Tatooine, o Durindfire emitia uma luz prata, e era muito raro e desejado pelos colecionadores e vendedores, pois quem tinha poderia ser tornar famoso.

Coração do Guardião Editar

Foi um cristal antigo, que foi redescoberto na superfície de Yavin IV pelo inventor Rodian Suvam Tan algum tempo antes da Guerra Civil Jedi. Emitia uma luz bronze, tom de bronze único.

Pérola do Dragão Krayt Editar

Encontrado no interior de um Dragão Krayt, tem uma alta concentração de energia e tem o formato e a aparência de uma pérola. Existem nas cores laranja e negro, gerando lâminas das mesmas cores.

Lambent Editar

Encontrado em Ossus, o cristal gera uma lâmina rosa, que pode tirar a gravidade do ambiente por tempo limitado e era muito cultivado pelos Vongs.

Manto da Força Editar

Um cristal encontrado em Yavin IV que dava ao sabre de luz um tom de prata ciano. Possui a habilidade de alterar as funções de outro Sabre de Luz quando em uso por um tempo determinado. E sua escassez era um "bênção" para a Ordem Jedi, segundos alguns Jedi.

Qixoni Editar

Um raro cristal encontrado em Kashyyyk e Tatooine que emitia uma luz vermelho sangue mais forte que a cor sintética dos Sith e poderia estar dentro de um sabre de Sith.

Gema do Arco-íris Editar

Rainbow gem.jpg

A Gema do Arco-íris.

Um cristal encontrado em cometas próximos a estrelas, esse cristal era tão caro que era possível comprar um cruzador com ele. Tinha uma alta concentração de energia e era um cristal extremamente raro.

Sigil Editar

Encontrado em minas Adegan, quando usado em um sabre de luz, tinha um poder de dano muito maior que os comuns. Emitia uma luz castanha.



Solari Editar

Um dos cristais mais antigos e mais poderosos da ordem Jedi. Era um cristal laranja claro que só podia ser montado em um sabre de luz por um ser vivo de coração puro, e seu proprietário original deveria sempre estar com o coração puro para ser usado,senão o sabre poderia explodir, pifar ou simplesmente não acontecer nada. Podia ser encontrado em uma sala de cristais no templo Jedi e também em cavernas subterrâneas em Hoth.

Cristais RarosEditar

Banes Heart.jpg

O Coração de Bane.

O Coração de Bane Editar

Cristal utilizado por Darth Bane, e recebeu esse nome justamente para um tributo a quem o achou primeiro Darth Bane. Este cristal poderia disparar grandes descargas elétricas no oponente tamanha sua concentração de energia. Tinha uma cor rosada, e rumores afirmam que a mesma foi abandonada pela primeira Aprendiz de Darth Bane, Darth Zannah, em uma das cavernas de Kashyyyk, e mais tarde encontrado com o corpo de General Grievous.



O Cristal de Lava Editar

Este cristal só pode ser encontrado no vulcão central de Mustafar. Raros, mas não únicos, somente os mais treinados dos usuários da Força conseguem retirá-lo da lava incandescente e adaptá-lo ao seu Sabre de Luz. Este cristal é conhecido por tamanha energia concentrada que, ao encostar em um objeto é capaz de incendiá-lo instantaneamente. Tinha a coloração alaranjada tal como um fluxo de lava.
SunriderDestinyTCG.jpg

O Destino de Sunrider.

O Destino de Sunrider Editar

Os habitantes da vila dos Aurilianos acreditavam que este cristal era enviado pelos Deuses, e esse nome deve-se a presença dos Sunrider (Andur e Nomi) usando-o. Tamanho poder deste cristal, poderia modificar o ambiente em sua volta. Aquele que obtivesse este cristal para utilizá-lo em seu Sabre de Luz, teria em suas mãos uma arma de poderes inimagináveis. Sua cor era parecida com o azul do Adegan, porém mais claro e muito mais brilhante.

As Lágrimas de Ragnos Editar

Com a profanação do vale dos Jedi perto do planeta Ruusan por intermédio do Jedi Negro Jerec, os sentimentos de ódio e destruição ficaram em parte impetrados no coração do vale, que anos mais tarde produziu um cristal bem pequeno, mas munido de uma enorme energia negativa. O sabre construído com este cristal emitiu uma curiosa luz violeta mais escura, perto do negro. Mas sua lâmina produzia interessantes efeitos sobre seu possuidor, florescendo sentimentos ruins como ódio, tristeza, e vingança. Lendas contam que poucos foram os sobreviventes que empunharam sua lâmina (mostrado que Galen Marek, Darth Sidious e possivelmente General Grievous o possuíram) e evitam sempre falar sobre o ocorrido.

Hurrikaine Editar

Um cristal raríssimo e muito caro, encontrado nas Jazidas de Adegan, e que tinha a habilidade de penetrar em escudos e possuía uma luz violeta. Mace Windu usava esse cristal em seu Sabre de Luz.

Outros cristais são encontrados em Jazidas Adegan, esses são de cor:

  • Amarelo;
  • Amarelo Ácido;
  • Âmbar;
  • Ametista;
  • Água;
  • Anil;
  • Azul;
  • Azul-esbranquiçado;
  • Azul-esverdeado;
  • Azul Jade;
  • Azul-prateado;
  • Azul Royal;
  • Verde;
  • Verde-esmeralda;
  • Ciano;
  • Cobre;
  • Cinza;
  • Dourado;
  • Índigo
  • Verde- jade;
  • Verde-floresta;
  • Verde-prateado;
  • Verde amarelado;
  • Vermelho-Carmesim;
  • Vermelho claro;
  • Vermelho brasa;
  • Magenta;
  • Ouro;
  • Violeta escura;
  • Violeta clara;
  • Lílas;
  • Amarelo escuro;
  • Amarelo claro;
  • Laranja amarelado;
  • Roxo.

Punhos/Cabos Editar

Sabre de Luz - Conhecido apenas por este nome, é a variação mais comum de Sabres de Luz; um cabo de duas mãos, com 20-30 centímetros, que pode abrigar um ou dois cristais. É uma das variações mais antigas dos Sabres de Luz a ser desenvolvida como arma pessoal. É a "marca registrada" dos cavaleiros Jedi. Cada usuário da força criava seu próprio Sabre de Luz por uma combinação entre cristal, base e
Guarda Master Handsome.jpg

Um guarda, usando um Sabre de Luz estilo Cabo Lança.

célula de poder, que acionava o Sabre de Luz

Cabo Lança - Com altura média de 2 metros, esse tipo de cabo assemelha-se à uma lança, dando mais controle sobre o sabre. Por ser grande, pode atingir o oponente de uma distância média que a maioria dos sabres não alcançava. O material do cabo era feito principalmente de Cortosis (um material que o Sabre de Luz não era capaz de cortar).

Tonfa - Um raro tipo de sabre com manuseio perpendicular. Maris Brood, uma Zabrak que era usuário da Força usava tal cabo/punho. Snya, um Twi'lek, guarda costas do Sol Negro usava um par de Espadas de Energia estilo Tonfa.

Protosaber - Antes do avanço da tecnologia dos Sabres de Luz, após a Escuridão de Cem Anos, os Sabres de Luz tinham requisitos de energia significativamente mais elevados, necessitando de um bloco de poder montado no cinto; estes blocos foram conectados ao sabre por no máximo uma corda. Tendo um avanço enorme sobre os Sabres de Luz altamente instáveis ​​originais, os protosabers acabaram obsoletos por células de energia miniaturizados, e a inclusão da tecnologia de supercondutores.

Sabre do Cavaleiro do Dragão Guerreiro - Em algum momento entre o início das Guerras Clônicas e a ascensão do Império Galáctico, um guerreiro montado em um dragão de Guerra Ubese Thorn-Back empunhava um sabre de luz modificado com dois punhos e três lâminas separadas, uma em cada extremidade e uma conexão da arma com duas alças. 

Asajj Ventress' Lightsaber.jpg

Um dos Sabres de Luz estilo Punho Curvado de Asajj Ventress.

Sabre de Punho Curvado - Um design padrão durante os primórdios do estilo Forma II de combate, cabos/punhos curvados permitiam movimentos mais precisos bem como uma flexibilidade razoável em um combate sabre-a-sabre. Era também mais complexo e apresentava ao seu criador um grande desafio para alinhar os cristais. Este sabre é conhecido por ser usado por Conde Dookan e sua aprendiz Komari Vosa, e depois seu adepto do Lado Sombrio, Asajj Ventress. Os sabres deste último podiam ser combinados para formar um sabre duplo-curvado. Eram também conhecidos como Sabres Emparelhados.

Bengala de Luz -  Foi uma simples variação no padrão; um Sabre de Luz escondido como uma bengala. Em combate, o cabo seria separada do corpo da bengala. Tera Sinube empunhava uma arma, assim como o acólito Sith Haazen.

Sabre Electrum - Um sabre de luz com um cabo/punhal forjado de um material dourado (electrum). O acabamento que o material dava ao sabre era majestoso, realmente o deixava com uma aparência elegante. Nos últimos dias da Antiga Ordem dos Jedi, os sabres Electrum ou dourados eram reservados aos membros mais antigos do Conselho Jedi. Os sabres de Mace Windu e de Darth Sidious eram um bom exemplo.

Lightfoil - Pequenas e elegantes espadas de energia baseadas nos Sabres de Luz. Eles eram populares entre alguns nobres do setor Tapani. Lightfoils eram mais fracos do que sabres de luz autênticos, devido a má qualidade dos cristais de foco utilizados na sua fabricação e o nível relativamente baixo de qualidade de artesanato em comparação com os artesãos Jedi. Eles não necessitam de qualquer conexão com a Força para serem criados, e foram totalmente utilizáveis por não-sensitivos à Força.

Cabo de Longa Alça - Era uma variação da arma Jedi tradicional, com uma alça, varias vezes maior que o de um Sabre de Luz normal. Essa arma era fácil de ser balançada com o corpo, usando as articulações do corpo como fulcros em que o Sabre de Luz poderia ser alavancado.

Variações de LâminasEditar

Sabre de Luz Aquático - Enquanto a maioria dos sabres de luz entrava em curto quando a lâmina tocavam a água, esta lâmina foi feita para operar debaixo d'água devido a dois cristais empregados em um pulso cíclico de ignição bifurcando. Geralmente só os Jedi de origem aquática iriam para o trabalho de construção de um sabre à prova d'água, pois só eles tinham a mobilidade para usá-lo efetivamente debaixo d'água. O Mestre Jedi Kit Fisto usou uma modificação em seu Sabre de Luz para que ele operasse em baixo d'água. No entanto, houve vários outros Jedi não-aquáticos que modificaram as suas armas para que elas fossem funcionais debaixo d'água.

Darth Maul DarkSaber.png

Darth Maul utilizando um antigo sabre escuro, roubado do Templo Jedi pelos ancestrais de Pre Vizsla.

Sabre Escuro - Este sabre de luz antigo tinha uma lâmina preta original que foi arrasada e chegou ao ponto de ser uma espada tradicional, ao invés do feixe arredondado como os Sabres de Luz padrão, o Sabre Escuro possuía uma lâmina semelhante a de uma espada.

Sabre de Duas Fases - Este tipo raro de sabre de luz utilizava uma combinação de cristais de foco para criar uma lâmina que poderia estender-se até o dobro de seu tamanho original, bastando ativá-lo. Diferente dos sabres típicos, que geralmente possuiam um controle manual para reduzir a emissão da lâmina, no sabre de duas fases, era feito automaticamente, adicionando um elemento surpresa, atingindo um inimigo com a guarda baixa.

Clava de Luz - Cristais especiais e sistemas de energia permitiam a este raro tipo de sabre de luz, projetar uma lâmina com até três metros de comprimento. Estes enormes sabres eram geramlente utilizados por seres de imensa estatura. Um Gamorreano mutante, denominado Gorc, (Dark Jedi) utilizava tal arma.

Sabre de Luz Shoto - Este sabre utilizava uma lâmina curta, mais curta do que os sabres comuns. Uma lâmina menor permitia uma utilização melhor para os Jedi que eram de estatura menor, tal qual, Yoda, Yaddle e Tsu Choi. Também, um sabre de luz curto era utilizado no estilo Niman de combate por indivíduos de estatura normal, tal qual o Mestre Ancião Kavar e por alguns capangas de Darth Malak. Luke Skywalker construiu sua própria Shoto depois da Batalha de Endor. Por ter uma pequena lâmina, poderia ser utilizado facilmente por aqueles que não eram sensitivos à Força. O Mestre Sora Bulq durante as Guerras Clônicas era conhecido por carregar uma shoto que ele utilizou no combate com o Mestre Mace Windu. Ahsoka Tano também os usava.

Sabre de Treinamento - Os sabres de treinamento eram utilizado pelos jovens aprendizes, para praticar combate com sabre de luz. Como era não-letal, o contato com a lâmina poderia causar ferimentos e até pequenas queimaduras. Este tipo de sabre era também utilizado em conjunto com o estilo básico Shii-Cho de combate com Sabre de Luz.

Chicote de Luz - Uma variação rara do Sabre de Luz, é composta de uma lâmina de 2,50 metros bastante flexível sendo possível se mover com a Força do usuário da arma. Em alguns aspectos, eram menos eficientes do que Sabres de Luz, muito mais perigosa para o usuário, e mais difícil de usar, embora nas mãos de um hábil usuário poderia ser mais letal.

Links externosEditar


Aparições Editar

Ao redor da rede Wikia

Wikia aleatória