FANDOM


Eras-canon-transp

A rebelião em Akiva foi uma revolta popular da população de Akiva contra o Sátrapa da cidade e os imperiais que estavam se reunindo em seu palácio.

Histórico Editar

PrelúdioEditar

Akiva era um planeta dos Territórios da Orla Exterior que, apesar de não ter uma constante presença imperial, sempre foi explorada pelo Império Galáctico através dos governadores locais, os Sátrapas, que cobravam os impostos e impunham as regras no planeta.

Com a destruição da Estrela da Morte II, a Nova República começou a se organizar e criou um novo Senado Galáctico estabelecido em Chandrilla. Enquanto Wedge Antilles estava buscando na Orla Exterior presença imperial, ele foi capturado pelo Destróier Estelar Vigilância. Wedge auto-destruiu a sua nave, a Rover, mas foi capturado pela Almirante Rae Sloane.

Rebelião em AkivaEditar

Em 4 DBY, foi formado na cidade de Myrra, um grupo formado por Norra Wexley, Jas Emari, Temmin Wexley e Sinjir Rath Velus. Esse grupo descobriu que, no palácio do Sátrapa Isstra Dirus, estava sendo realizado uma reunião entre figurões imperiais chamado Conselho do Futuro Imperial.

Sinjir e Temmin armaram um holovideo de um falso menino sendo morto por um agente imperial, esse vídeo causou uma comoção enorme na cidade de Myrra e fez com que a população cercasse o palácio do Sátrapa. A piloto Norra Wexley sequestrou um Caça TIE e atacou o palácio, sendo atingida e derrubada, mas conseguiu destruir os três transportes que estavam parados dentro do palácio.

Com o ataque e o cerco da população da cidade, os integrantes do Conselho do Futuro Imperial fugiram na única nave restante que estava em órbita, a Harpa Dourada. [1]

Aparições Editar

Notas e Referências Editar



Em outras línguas

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.