FANDOM


Eras-canon-transp

30px-Era-imp30px-Era-real

"A vingança é uma confissão de dor."
―Moral[fonte]

"Lethal Trackdown" é o vigésimo segundo e episódio final da segunda temporada da série de televisão Star Wars: The Clone Wars.

Descrição oficialEditar

Depois de vasculhar os níveis baixos de Coruscant para um fugitivo jovem, Plo Koon e Ahsoka o perseguem para Florrum para um confronto culminante.

Resumo da tramaEditar

Episódio 22
Lethal Trackdown
Perseguição letal! O jovem Boba Fett
quer fazer justiça com as próprias mãos
e fez duas tentativas contra a vida de
Mace Windu, o mestre Jedi que matou
o seu pai. Mentora de Boba, a caçadora
de recompensas Aurra Sing, pegou três
oficiais da República como reféns num
esforço para forçar Windu a enfrentar
Boba em seus termos, uma tática que
não caiu bem com o jovem justiceiro...
Aurra przekazuje zle nowiny

A mensagem de Aurra Sing, onde ela mata o Comandante Ponds.

Enquanto Anakin Skywalker e Mace Windu se recuperam no Templo Jedi em Coruscant, de repente eles recebem uma transmissão de Aurra Sing no qual ela revela que os caçadores de recompensa estão com o Almirante Kilian,Comandante Clone Ponds, e outro clone oficial de reféns antes de executar impiedosamente Ponds e insultar os Jedi para irem atrás dela. Sem fazer ideia da localização de Sing, Mestre Plo Koon e Ahsoka Tano se aventuram no submundo de Coruscant na esperança de obter informações a partir de vários locais. Infelizmente eles experimentam falta de sorte, em parte devido à impaciência e falta de sutileza de Ahsoka durante a investigação.

Enquanto isso, os caçadores de recompensas começam a discutir a bordo da Slave I. Castas se queixa de que o trabalho tinha se tornado demasiado arriscado e complicado, especialmente porque a Ordem Jedi está agora em suas trilhas. Para complicar ainda mais as coisas, Boba Fett sofre de uma consciência culpada quando ele sente que os prisioneiros não têm nada a ver com a sua busca por vingança contra Mace Windu; sua relação com os caçadores de recompensa, especialmente Aurra, começa a se deteriorar ainda mais depois que Boba recusa-se a, pessoalmente, executar o comandante Ponds durante a transmissão para os Jedi.

LT Aurra Hondo

Aurra Sing se reencontra com seu ex-amante, Hondo Ohnaka em Florrum.

Por fim, os caçadores de recompensa seguem para Florrum na esperança de obter ajuda e refúgio do ex-amante de Aurra, que não é outro senão o Weequay pirata Hondo Ohnaka. Enquanto Hondo hospitaleiramente convida Aurra para uma bebida, ele ainda assim firmemente se recusa a prestar toda a assistência, embora ele também promete não vai ficar em seu caminho. Castas aproveita a oportunidade para falar com um colega caçador de recompensas em Coruscant via holograma e se oferece para fornecer informações sobre seus colegas caçadores de recompensa. No entanto, sua conversa é ouvida por Aurra Sing, que então executa Castas no local, em frente de um Boba horrorizado.
Mission in der Unterstadt

Ahsoka e Plo Koon numa cantina no submundo de Coruscant à procura de informações.

Enquanto isso, os dois Jedi seguem para outra cantina Coruscant. Plo Koon pede para Ahsoka ser mais sutil e atenta aos pequenos detalhes. Coincidentemente, Ahsoka consegue escutar uma conversa na qual o "amigo" de Castas menciona as atividades do caçador de recompensas em Florrum, antes de ser confrontada por um grande grupo de bandidos. Plo Koon e Ahsoka são forçados a tirar suas sabres de luz e conseguem sair depois de um tenso impasse.
Ahsoka-Florrum

Ahsoka se defendendo do tiro de Boba.

Logo depois, os dois Jedi chegam em Florrum e seguem para a cantina, vazia, exceto pela presença de Aurra em uma das mesas. Aurra tenta extrair um resgate do Mestre Jedi, revelando que ela está segurando os outros dois reféns em locais diferentes e que eles serão executados por Bossk se ela der a ordem. Ambos os lados, em seguida, fazem suas armadilhas, com Boba segurando um blaster na cabeça de Koon, enquanto Tano destrói o comunicador Aurra e mantém o sabre de luz em sua garganta. Os caçadores de recompensas conseguem fazer uma digressão e escapar, mas Boba é capturado no último segundo, enquanto Aurra corre em um speeder com Ahsoka a perseguindo de perto.

Plo Koon, em seguida, interroga Fett, que teimosamente se recusa a revelar a localização dos reféns; Hondo finalmente consegue persuadir Boba, lembrando-lhe como Jango queria que seu filho a fizesse a coisa honrosa. Ahsoka é informada da localização do almirante via comunicador e consegue ajudar a derrotar Bossk, apenas alguns segundos antes dos reféns serem executados. No entanto Aurra chega poucos momentos depois e consegue decolar na Slave I. Ahsoka se agarra na nave e até corta um de seus estabilizadores com seu sabre de luz, fazendo com que a caçadora de recompensas perca o controle e caia com uma explosão de fogo.

LT Boba

Boba é preso em Coruscant, antes de se encontrar com Mace Windu, o homem que matou o seu pai.

Boba e Bossk chegam sob custódia em Coruscant onde são atendidos por Mace Windu. Boba pede desculpas pela destruição que ele causou, mas insiste que ele nunca iria perdoar Mace por matar Jango, antes de ser levado.





ElencoEditar


Wiki Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Star Wars Wiki expandindo-o.
Considere marcar um esboço mais específico.


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.