FANDOM


Eras-canon-transp

Knox foi um Jedi Padawan Nautolano que era aprendiz do Mestre Jedi Halsey durante as Guerras Clônicas. Junto com seu mestre, ele participou nas defesas da República Galáctica ao Templo de Eedit, que estava situado no planeta de Devaron. Os dois inicialmente obtiveram sucesso em derrotar os droides de batalha presentes na luta, porém foram despachados e mortos por Savage Opress quando ele entrou na batalha.

Biografia Editar

Guerras Clônicas Editar

Massacre de Devaron Editar

Pelo menos um ano após o início das Guerras Clônicas, Knox e seu mestre, Halsey, estavam estacionados no Templo de Eedit, localizado no planeta de Devaron, que, naquele momento, estava sendo utilizado como uma base da República Galáctica. O Exército Droide Separatista tentou tomar controle da base, e então lá estavam os dois Jedi para protegê-lo. Enquanto a batalha começava, Knox e Halsey rapidamente destruíram os droides de batalha que tentavam avançar, porém a "maré" da batalha virou a favor dos Separatistas quando Savage Opress, o mais novo aprendiz de Conde Dookan, foi despachado para dar assistência aos droides falhos na batalha. Halsey disse a Knox para se afastar enquanto ele engajava Opress. Porém, Halsey não se mostrou páreo comparado àquele, e foi rapidamente morto. Knox, testemunhando a morte de seu Mestre, buscou vingança ao avançar para cima de Opress, porém o guerreiro muito mais forte rapidamente o jogou na porta do Templo, ceifando, assim, sua vida.

Após o massacre Editar

Posteriormente ao massacre, imagens holográficas da batalha surgiram e esquadrão Delta, um esquadrão de clones de elite, foram enviados para recuperar os dois corpos dos Jedi derrotados. Sua missão foi um sucesso e o grupo subsequentemente retornou a Coruscant para despachar os corpos. Eles foram saudados por Obi-Wan Kenobi, Adi Gallia, Plo Koon e Saesee Tiin, que então concluíram que o massacre foi um sinal de uma nova grande ameaça à República.

Legado Editar

Próximo ao fim das Guerras Clônicas, Mestre Jedi Yoda viajou para a fonte da vida com a finalidade de buscar as respostas para imortalidade. Cedo após chegar, ele foi saudado por seres que haviam conseguido manter suas identidades após suas mortes físicas e que o colocaram na situação de passar por difíceis testes para testá-lo. O penúltimo teste mostrava a Yoda um pacífico Templo Jedi, onde as Guerras Clônicas nunca ocorreram. Muitos Jedi mortos estavam lá, como Knox, o que levou a Yoda perceber que era uma ilusão, fazendo assim com que acordasse, aonde foi dito a ele por esses seres que ele ainda possuía mais um teste para passar, e que esse teste seria no planeta natal dos Sith, Moraband. Knox posteriormente apareceu a Luke Skywalker em um sonho durante sua missão a Devaron.

Eras-canon Este artigo é um esboço canônico. Você pode ajudar a Star Wars Wiki expandindo-o.

Aparições Editar

Fontes Editar

As seções "Aparições" e "Fontes" foram importadas e traduzidas automaticamente do artigo em inglês pela Interface de Criação de Páginas. Consulte o histórico do artigo original para identificar os autores.