Wikia

Star Wars Wiki em Português

Estação de Batalha Orbital EM-1

Discussão0
4 359 pages em
Este wiki

Redireccionado de Estrela da Morte I

Han1 edited Desculpe a bagunça.

Esse artigo ou seção precisa ser arrumado para atingir um patamar maior de qualidade.
Por favor, siga as instruções no Guia de Leiaute e complete este artigo visando maior qualidade antes de continuar em artigos menores. Remova essa mensagem quando terminar.

Este artigo é sobre a Primeira Estrela da Morte. Você pode estar procurando por Segunda Estrela da Morte.
Estrela da Morte I

250px-Death Star

Informações de produção
Fabricante

Departamento Imperial de Pesquisa Militar

Modelo

Estação de Batalha Orbital EM-I

Classe

Estação Bélica

Especificações técnicas
Comprimento

120 km

Largura

120 km

Altura

120 km

Aceleração máxima

4.500 G

Armamento
Complemento
Tripulação
Usagem
Papel(is)
  • Estação de batalha
  • Nave de guerra
  • Transporte
Era(s)
Afiliação

Império Galáctico

A Primeira Estrela da Morte foi a mais temível arma feita pelo Império Galáctico e uma das mais poderosas armas da Galáxia. Depois de sua destruição por parte de Luke Skywalker veio a Segunda Estrela da Morte.

HistóriaEditar

A poderosa estação foi pesquisada em Geonosis por Cientistas Geonosianos e os planos salvos por Conde Dookan da Batalha de Geonosis e entregues a Darth Sidious em Coruscant. A Primeira Estrela da Morte deu início à sua construção em 19 ABY.

SuperlaserEditar

Blue Glass Arrow Artigo principal: Superlaser
DeathStarLazer

SuperLaser destruindo Alderaan

Tal como a Segunda, a Primeira Estrela da Morte dispunha de um SuperLaser com o qual adquirira a habilidade de eliminar planetas da Galáxia com um só tiro.

Diferente da segunda estação, que necessita somente de 3 minutos, a primeira estação recarrega seu superlaser em um intervalo de 24 horas.[fonte?]

DestruiçãoEditar

Sendo considerado o evento mais importante de Star Wars, a Destruição da Estrela da Morte marca o ano 0.

Sua destruição começa com a bem-sucedida Operação Skyhook o que permitiu à Aliança Rebelde capturar or planos, e assim, encontrar uma falha:

  • Um exaustor térmico que estava diretamente ligado ao Reator Principal da Estrela da Morte.

Finalmente, a Estrela da Morte é destruída por Luke Skywalker, que lança dois Torpedos de Prótons do seu caça X-Wing para a saída térmica da estação, causando assim a destruição da grande Estação Bélica.

A principal falha da Estrela da Morte não foi o exaustor térmico, mais sim a arrogância de Grand Moff Wilhuff Tarkin, que menosprezou a Aliança.

Nos bastidoresEditar

Na revista em quadrinhos Star Wars Infinities: A New Hope, o ataque rebelde à estação fracassa, e o Império consegue eliminar os inimigos. Cinco anos depois, a estação ganha um novo nome: "Estrela da Justiça", para celebrar não só o quinto ano da vitória sobre os rebeldes, mas como também a inauguração do novo lar do Senado Imperial.

A Estrela da Justiça visitava planeta por planeta, sendo então mais efetiva do que o Senado em Coruscant, que era o centro do Império. Já sendo um impressionante semblante de simbolismo, a Estrela da Justiça enfim parou em frente ao Sol de Coruscant, fazendo com que se transformasse em uma grande estrela brilhante, capaz de retransmitir a luz para outros planetas.

A "nova" nave teve uma vida curta, pois Mestre Yoda e R2-D2 conseguiram tomar controle dela. fazendo com que disparasse contra toda Frota Imperial, destruindo-a por quase completa. Após o ataque, os dois conseguiram lançar a estação contra Coruscant, matando o Imperador Palpatine e destruindo enfim a tão temida estação.

Este artigo é, por hora, apenas um esboço de um artigo de prioridade da saga. Por favor complete-o pois ele está incompleto. Você pode ajudar a Star Wars Wiki expandindo-o.


Veja TambémEditar

Rede da Wikia

Wiki Aleatória