FANDOM


Eras-legends

30px-Era-new30px-Era-real

Este artigo é sobre a série de quadrinhos narrando a ressurreição de Palpaine. Você pode estar procurando a parte titular do Império Galáctico controlada pelo Palpatine ressurrecto.

Império Negro foi uma série de quadrinhos escrita por Tom Veitch e ilustrado por Cam Kennedy. Eles foram originalmente lançado pela Dark Horse Comics, entre Dezembro de 1991 e Outubro de 1992, como uma série bi-mensal de seis edições, que foram mais tarde compilados e vendidos como edição de comércio. O nome geralmente se aplica a ambos a série original e suas duas sequências, Império Negro II e Empire's End. Todas as três séries em quadrinhos detalham a ressurreição do Imperador Palpatine em corpos clone.

No Brasil, foi lançada como minissérie de 3 edições em 1997 pela Pandora Books sob o nome de Império do Mal, e relançada como Império Negro em 2015 como parte da série de encadernados da Planeta DeAgostini.

Sinopse da editoraEditar

SWDarkEmpireOmnibus

Luke Skywalker na armadura de seu pai com Devastadores de Mundos e Destróieres Estelares ao fundo

Passaram-se seis anos desde a Batalha de Endor e a morte do Imperador Palpatine, mas a guerra pelo controle da galáxia continua sendo travada entre o que resta do Império e a Nova República. Um dos campos de batalha mais disputados é o planeta Coruscant, que no passado era a capital do Império.

Um recente ataque contra o mundo-cidade, perpetuado pelas forças da Nova República, terminou em desastre, deixando Luke Skywalker e Lando Calrissian presos no planeta arrasado pela guerra. Mas a ajuda está a caminho...

Resumo da tramaEditar

"E agora, meu jovem aprendiz... Seu pai está morto. Você veio te juntar a mim? Você irá tomar o lugar que te pertence por direito–ao meu lado."
―Palpatine[fonte]

Durante o Motim Imperial, a Aliança Rebelde procurou enfraquecer as facções restantes se infiltrando em sistemas e batalhas com Destróieres Estelares capturados transmitindo sinais falsificados para provocar ataques entre os grupos.

Em um desses ataques ao sistema Coruscant, no Destróier Estelar Liberator (anteriormente o Adjudicator), um Destróier Estelar classe Imperial capturado na Batalha de Endor e modificado ao longo de cinco anos para participar de missões secretas, e sua nave irmã, o Emancipator (anteriormente o Accuser), entraram no sistema Coruscant, onde três Destróieres Estelares pediram códigos de liberação novos e desconhecidos. Os códigos que a Aliança havia roubado ou comprado de slicers não funcionaram, e Luke Skywalker e Lando Calrissian foram derrubados nos céus da antiga Cidade Galáctica. Eles deveriam ter morrido, mas Luke consegue pousar o gigantesco veículo na superfície de Coruscant, com poucas casualidades. Nos próximos muitos dias, Luke, Lando e suas forças se esconderam e lutaram contra batalhões Imperiais.

Battle Debris

Chegada em Coruscant

Quando as notícias chegaram a Han e Leia Solo, eles correram ao resgate junto de Chewbacca e C-3PO. Eles chegaram bem na hora para salvaram Lando e a tripulação do Liberator. Entetanto, Luke os informou de uma grande perturbação na Força. Naquele momento, uma tempestade da Força saiu de um buraco de minhoca do hiperespaço. Luke disse a todos para fugirem, mas R2-D2 insistiu em ficar ao seu lado. Enquanto a Millennium Falcon levantava voo, Luke e R2-D2 foram sugados pela anomalia.

Depois, na base da aliança na quinta lua de Da Soocha, sob o codinome de Base Pináculo, os líderes da Aliança reportaram que facções imperiais separadas haviam desaparecido na direção das regiões desconhecidas do Núcleo Galáctico. Além disso, a fase inicial da Operação Mão Sombria havia começado: frotas de Devastadores de Mundos, máquinas criadas por Umak Leth que destruíam tudo em seu caminho, começaram a ser deslocadas pela galáxia. Seu primeiro alvo, selecionado pelo seu longo e importante apoio da Rebelião, era o planeta Mon Calamari.

Lando e sua tripulação, recém-resgatados, embarcaram a Emancipator para comandarum esforço de defesa enquanto a frota Rebelde principal entrava em formação.

Subservient Luke

Luke Skywalker ajoelha-se perante Palpatine.

Nesta altura, Luke Skywalker tinha chegado a Byss, um planeta no Núcleo Profundo embebido no lado sombrio. Lá ele se encontrou face a face com o Imperador renascido; ele revelou que por muitos anos ele manteve o hábito de transferir sua mente para corpos clonados de si mesmo para atingir a imortalidade. Entretanto, os clones estavam um passo atrás da longa vida; eram mais destruídos pelo lado sombrio do que sustentados pela Força. Por sorte, Palpatine tinha numerosos clones para desdenhar da morte, permitindo que ele governasse eternamente. O Imperador ofereceu aprendizado a Luke, e a oportunidade de controlar a enorme frota de Devastadores, assim como o resto da frota Imperial. Perante uma situação impossível, e profundamente impressionado pelo poder do Imperador, sua presença carismática, sua inegável genialidade e seu conhecimento de ambos os lados da Força, Luke concordou em se tornar seu aprendiz. Pouco depois, R2-D2 foi modificado para carregar o Sinal Mestre dos Devastadores de Mundos.

"Sim. O destino de meu pai é o meu próprio."
―Luke Skywalker[fonte]

EdiçõesEditar

Edição encadernada Edição lançada Edição futura
EdiçãoData de publicaçãoRevistaEncadernadoData de publicação do encadernado
Império Negro 112 de Dezembro, 1991Império do Mal 1 CSW 42: Império Negro 1

Dark Empire
Dark Empire Third Edition
Luke Skywalker, Last Hope for the Galaxy
Dark Empire Trilogy
Novembro, 2015

1 de Maio, 1993
27 de Agosto, 1993
24 de Setembro, 2008
15 de Setembro, 2010
Império Negro 218 de Fevereiro, 1992
Império Negro 321 de Abril, 1992Império do Mal 2
Império Negro 423 de Junho, 1992
Império Negro 518 de Agosto, 1992Império do Mal 3
Império Negro 620 de Outubro, 1992

BibliografiaEditar

Notas e referênciasEditar

Predefinição:Império Negro

Links externosEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.