FANDOM


Eras-canon-transp

30px-Era-imp30px-Era-real

"Excesso de confiança é a mais perigosa forma de descuido."
―Moral[fonte]

"Cargo of Doom" é o segundo episódo da Segunda Temporada da série de TV Star Wars: The Clone Wars. Foi o primeiro episódio a ser confirmado como pertencente à Segunda Temporada.

Descrição oficialEditar

Anakin e Ahsoka interceptam a nave de Cad Bane, esperando encontrar o Holocron Jedi que foi roubado, mas os Jedi subestimam as ardilosas táticas do caçador de recompensas.

Resumo da tramaEditar

Episódio 2
Cargo of Doom
Segredos roubados! O mercenário vilão
Cad Bane foi contratado por Darth Sidious
para roubar um holocron dos cofres do
Templo Jedi. Depois de fugir da cena do
crime Bane caça e captura o mestre
Bolla Ropal, que tem um cristal
que detém os segredos da Ordem Jedi.
Quando uma frota Separatista chega para ajudar
o caçador de recompensas, Anakin Skywalker
corre para impedir sua fuga e parar Bane
de entregar o holocron roubado...
Showdown at Devaron

Confronto em Devaron.

A frota de Anakin Skywalker chega ao sistema Devaron, impedindo a frota separatista de ajudar o caçador de recompensas Cad Bane. Infelizmente, soldados clone dizem a Skywalker que Bane que já havia capturado o Mestre Jedi Bolla Ropal e o cristal de memória Kyber. Tomado como refém em uma fragata estelar classe Munificent, Ropal é preso em correntes da energia. Enquanto na ponte da fragata, Bane ordena os droides para se prepararem para saltar para o hiperespaço. No entanto, sua nave foi vista pela tripulação a bordo do destróier estelar classe Venator de Skywalker, Resoluta. A tripulação atira na fragata de Bane, incendiando seus hiperpropulsores. O Capitão CT-7567, Skywalker e sua Padawan, Ahsoka Tano, criam um plano para se infiltrar na fragata com três AT-TEs fornecendo fogo de apoio.
Bolla Ropal Folter

Bane tortura Bolla Ropal.

Enquanto isso, Bane tortura Ropal, e obriga-o a abrir o holocron roubado, no entanto, Ropal se recusa desafiadamente. Bane diz aos droides para aumentar a potência da corrente de energia, que eletrocuta Ropal à sua morte. Na necessidade de um outro Jedi para abrir seu holocron roubado, Bane retorna para a ponte e avista Skywalker, Tano, e os seus clones preparando para embarcar em sua fragata através de uma tela. O vice-rei da Federação de Comércio Nute Gunray contata Bane via comunicador, e está irritado com Bane por perder quatro de suas naves e exige o reembolso, no entanto, Bane promete que Darth Sidious irá compensar tudo uma vez que o holocron esteja desbloqueado, e diz ao vice-rei sobre os dois Jedi que estavam prestes a se infiltrar na sua fragata. Antes de deixar a ponte, Bane ordena os droides para limpar os dados de navegação, preparar a auto-destruição e transferir funções da nave para a sua luva no pulso. Skywalker, Tano, e os clones invadem a ponte e destroem vários droides de batalha B-1 lá. O droide astromecânico do Skywalker, R2-D2, em seguida, acessa o computador da nave para localizar Ropal.

BaneKick

Bane recebe um chute de Skywalker.

O grupo, então, faz o seu caminho para o bloco de detenção da fragata, e Tano encontra Roppal morto dentro de uma sala. Uma explosão na fragata de Bane ecoa pela nave, e o almirante Wullf Yularen, que está a bordo da Resoluta , aconselha o grupo da República a ficar atento. Em breve, as luzes se apagam, forçando os clones a alternar para o modo de visão noturna em seus capacetes. A seguir, o esquadrão vê Bane correndo, e eles o seguem o perseguindo até a sala de artilharia. Bane ordena seus droides de batalha eliminar os Jedi, e desliga a gravidade artificial. Tano ordena R2-D2 reativar a gravidade. Atacando o caçador de recompensas, Skywalker chuta o holocron fora das mãos de Bane, mas antes que ele possa agarrá-lo, R2 reativa a gravidade, e Bane recupera o holocron no chão. Em retaliação, Tano persegue o Bane em fuga, apesar dos avisos de seu Mestre. Skywalker tenta cortar uma porta blindada fechada para resgatar Tano, no entanto, um droide escorrega e atira em uma bateria de um canhão Flak, o que provoca uma explosão.
BaneTorturesAhsoka

Bane lança descargas elétricas em Ahsoka.

Em um corredor sem saída, Tano e Bane lutam um contra o outro. Enquanto Tano derrota Bane no combate corpo-a-corpo, a Padawan tenta telecineticamente recuperar seu sabre de luz, embora Bane a engana. O caçador de recompensas agarra seu tornozelo e envia um choque elétrico paralisante nela, o que a torna inconsciente. Sentindo que seu Padawan está em perigo, Skywalker liberta-se dos escombros dentro da sala de artilharia, e ordens de CT-7567 e os clones para garantirem uma nave para eles dentro do hangar da fragata.
Ahsoka hostage

Bane mantendo Ahsoka como refém para fazer Anakin desbloquear o holocron.

Colocando algemas de atordoamento, bem como, puxando as tranças de pérolas da Padawan, Bane torna Ahsoka refém, enquanto ele espera por Skywalker vir "resgatá-la". Imediatamente, Skywalker entra na sala, e Bane ameaça jogar Tano no espaço se ele não desbloquear o holocron roubado. Skywalker é forçado a ceder para salvar Tano. Uma vez que o holocron é desbloqueado, Bane insere o cristal. Skywalker, enfurecido, em seguida, convoca espontaneamente seu sabres de luz e o da Tano. Bane responde abrindo a escotilha e fugindo. Desesperado para salvar seu Padawan, Skywalker joga fragmento de um super droide de batalha B-2, e fecha a escotilha. Bane contata Gunray para informá-lo de seu sucesso. Gunray pede-lhe para transmitir as informações para ele, no entanto, Bane diz que ele vai entregar pessoalmente a Sidious. No entanto, o seu transporte já foi tomada pelos clones. Em uma tentativa desesperada de capturar Bane, Skywalker corre por um corredor, embora Tano o convence a retornar ao CT-7567 e os clones dentro do hangar. Os jedi retornam, só para ver o clones segurando uma Nave de Transporte Classe Sheathipede.

No nível superior do hangar, os soldados Denal e Koho ​​envolvem Bane em um duelo, no entanto, o caçador de recompensas derrota os dois clones e se esconde na armadura do Denal. Ao perceber que Bane poderia estar morto, Tano deseja recuperar o holocron, embora Skywalker afirma que não havia tempo para fazê-lo. Bane, que está vestindo a armadura do Denal, entra na nave de Skywalker. Depois de deixar a fragata, Skywalker afirma que, apesar de eles viram Bane morrer, ele ainda sente Bane através da Força. Quando eles retornam para a Resoluta, Tano se desculpa com seu mestre por deixar Bane obter o melhor dela, no entanto, Anakin corrige ela, e diz que o fracasso da missão foi culpa dele "do início ao fim".

ElencoEditar

Nos bastidoresEditar

  • Um erro acontece no episódio em aproximadamente 13:24, quando Ahsoka cai do choque de Bane, suas pernas são vistas como brancos (como a sua roupa normal), porém ela estava vestindo um traje vermelho durante a cena.
  • Em uma cena deletada, que pode ser vista na versão Blu-Ray da segunda temporada, amplia a cena que Cad Bane vai escapar da Resoluta. Nute Gunray entra em contato com o Bane para assegurar o sucesso da missão. Uma vez que o Duros rejeita enviar o conteúdo do holocron transferindo os dados para o vice-rei, o Neimoidiano insiste em desvendar o artefato. O caçador de recompensa depois de um pedido Gunray abre o holocron, que anteriormente havia sido destravado com os poderes de Anakin Skywalker. Apenas pouco tempo depois as imagens aparecem e os dados associados revelam as crianças sensitivas das diferentes partes da galáxia . A cena estendida não foi incluída no versão final da produção e os gráficos não estão concluídas, de modo que nem os efeitos nem as texturas finais foram criadas para ela.
Wiki Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Star Wars Wiki expandindo-o.
Considere marcar um esboço mais específico.


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.