FANDOM


Eras-canon-transp

Aproximadamente 30 anos após a Batalha de Endor, a batalha foi travada na Base Starkiller entre as forças da Primeira Ordem e a Resistência. A batalha foi travada entre caças TIE da Primeira Ordem, e X-wings T-70, da Resistência.[1] O objetivo dos caças da Resistência era desarmar e destruir a Base Starkiller na tentativa de prevenir futuros ataques da Primeira Ordem nos planetas alvos da arma de destruição em massa instalada no planeta. [1]

PrelúdioEditar

A Batalha da Base Starkiller foi travada pelas forças da Primeira Ordem contra as forças da Resistência, que se deflagrou após a Primeira Ordem descobrir a localização da base rebelde no planeta D'Qar e mirar sua nova super-arma (Starkiller) para o planeta com o objetivo de destrui-lo e colocar fim à Resistência. Em uma tentativa desesperada de salvar sua base e seus soldados, os rebeldes lançaram um ataque surpresa a Base Starkiller procurando inutilizar a nova super-arma construída pela Primeira Ordem.

A BatalhaEditar

Com a localização da base rebelde General Hux com ordens de Kylo Ren iniciam o carregamento da nova arma da Primeira Ordem, a Base Starkilller, seu objetivo era destruir o planeta D'Qar na qual a base rebelde se encontrava e eliminar a Resistência. A base Starkiller construída dentro do núcleo de um planeta se carregava através da energia de estrelas próximas, o que levavam determinado tempo para estar preparada a disparar, tempo este que foi suficiente para que a resistência desse início ao ataque.

Com a Starkiller se preparado para acabar com o mundo de D'Qar, o local da sede da Resistência, a Resistência deu inicio a um ataque com sua frota de caças X-Wing. Finn, um Stormtrooper desertor, lhes tinha dado os projetos de construção da base, que revelou um ponto fraco fundamental que, se destruído, eliminaria a Base.

Esquadrões de X-Wings iniciaram um ataque a base, enquanto a Millennium Falcon contornou seus escudos e liberou uma equipe de terra para desativar os geradores de escudo. Quando os X-Wings tentaram derrubar o ponto fraco mesmo após a queda do escuro eles não conseguiram, Han Solo e sua equipe mergulharam mais profundamente no complexo subterrâneo da Base, com o objetivo de acontecer internamente o ponto fraco em si. Ao longo do caminho eles re-encontraram Rey, que tinha se libertado da prisão da Primeira Ordem. Solo e Chewbacca plantaram e detonaram explosivos em colunas que sustentavam um túnel de acesso que levava ao ponto fraco da base, um canal vital. Com a abertura dos escudos e a fragilidade que causou a detonação dos explosivos, Poe Dameron, líder do Esquadrão Negro, entrou e destruiu a conduta, provocando a destruição total da base de Starkiller.

Duelo na Base StarkillerEditar

"Somos só nós agora. Han Solo não pode salvar vocês."
―Kylo Ren para Finn e Rey[fonte]

Kylo alcançou Finn e Rey na floresta. Rey chamou raivosamente Ren de monstro por ter matado seu própio pai. Ela tentou atirar em Ren com o seu blaster, mas Ren usou a Empurrão da Força nela nocauteando-a em uma árvore. Finn, desesperado e assustado, foi ajudar-la imediatamente. Ren então acusou raivosamente de Finn ser o verdadeiro traidor. Com raiva, Finn puxou o velho Sabre de Luz de Luke Skywalker. Kylo declarou que ele possuía o sabre. Finn atacou Kylo raivoso. No entanto, Kylo facilmente sobrecarregou o Stormtrooper e machacou ele gravamente. De repente, Rey se levanta e usa a força para puxar o Sabre de Luz de Luke para suas mãos. Então atacou Ren.[1]

Durante isso, os detonadores explodiram, permitindo que Poe voasse para destruir o ponto fraco da base segundos antes de ser drenado para o sol (desde que a base sugar plasma solar e comprimir-lo num pequeno espaço para carregar a superarma). Isto causou uma reação em cadeia, que destruiu a base e sugou todo o terreno do planeta. Rey e Kylo continuaram a lutar, e Kylo inicialmente tinha a vantagem. No entanto, apelando para a Força, Rey estava mais poderosa que Kylo e feriu-o gravemente e quebrou seu sabre de luz. Eles foram separados pelo terreno sendo sugad.[1]

Rey retornou à Finn e entrou em desespero porque Finn não acordaria e quase caíram nas rupturas do planetas. Contudo, Chewbacca chegou à Millenium Falcon para resgatar-los. Dentro da Base Principal, o caos cercou o General Hux porque não havia nenhum modo de escapar sem devidas permissões. Hux, logo, reportou os ocorridos à Snoke, que o orderneu à resgatar Kylo e sair da Base.[1]

A Millenium Falcon e os remanescentes do Esquadrão Negro escaparam da Base Starkiller enquanto ela virava uma bola de fogo, e entraram no hiperespaço para retornar a D'Qar.[1]

ConsequênciasEditar

Após o ataque da frota de X-Wings da resistência, a Base Starkiller assim como o planeta inteiro que a sustentava entrou em colapso e se destruiu transformando-se em uma Supernova, fazenda a Primeira Ordem perder muitos soldados, mas Hux, Kylo, Rey, Finn, Poe, Chewbacca, alguns soldados da Primeira Ordem e os remanescentes do Esquadrão Negro fugiram.

ApariçõesEditar

FontesEditar

Notas e referênciasEditar


Batalhas da guerra Primeira Ordem-Resistência